Please use this identifier to cite or link to this item: https://dspace.almg.gov.br/handle/11037/9975
metadata.dc.type: Artigo
Title: Análise da aplicabilidade do modelo gerencial na administração municipal
Authors: Araújo, Priscila Gomes de
Pereira, José Roberto
metadata.dc.publisher.place: Belo Horizonte
Publisher: Fórum
Issue Date: 2012
metadata.dc.relation.ispartof: Revista de Administração Pública
Citation: ARAÚJO, Priscila Gomes de; PEREIRA, José Roberto. Análise da aplicabilidade do modelo gerencial na administração municipal. Revista de Administração Pública [recurso eletrônico]. Rio de Janeiro, v. 46, n. 5, p. 1179-1199, set./out. 2012. Disponível em: https://dspace.almg.gov.br/handle/11037/9975. Acesso em: 26 mar. 2014.
Abstract: Esse artigo tem como objetivo identificar e analisar as razões pelas quais a administração de um município do estado de Minas Gerais não adotou, integralmente, o modelo gerencial, tendo percorrido mais de 15 anos desde a última reforma do estado e mais de oito anos do Choque de Gestão de Minas Gerais. Para tanto, utilizou-se como parâmetro de análise e investigação o Índice de Administração Pública Gerencial (IAPG), desenvolvido por Freitas Jr. (2009), com base nos pressupostos teóricos do modelo de administração pública gerencial. Nesse sentido, foi realizada uma análise das características e objetivos do modelo gerencial, bem como a demonstração dos esforços para utilização desse modelo na administração pública brasileira nos três níveis de governo. A abordagem metodológica utilizada é qualitativa e de natureza teórico-empírica, adotando-se como instrumento de coleta de informações um roteiro de entrevistas abertas com prefeitos, chefes de gabinete, vereadores e secretários das duas últimas gestões municipais, que correspondem aos mandatos de 2001 a 2004 e de 2005 a 2008. Os resultados alcançados mostram que o maior entrave para a adoção efetiva do modelo de administração pública gerencial no município é a falta de capacidade de gerenciamento e conhecimento dos próprios prefeitos em relação ao modelo. Nesse sentido, verificou-se a necessidade de formar e qualificar os gestores públicos municipais em administração pública para atuarem, profissionalmente, na realidade local, bem como fortalecer os canais de participação da população, como forma de controle social da gestão pública.
Keywords: Administração municipal - Minas Gerais
Gestão - Modelo - Minas Gerais
Gestor - Minas Gerais
Qualificação profissional - Minas Gerais
Participação social - Minas Gerais
Controle social - Minas Gerais
Administração pública - Brasil
Reforma administrativa - Brasil
metadata.dc.subject.planning: Municípios e Desenvolvimento Regional
metadata.dc.identifier.other: 121242
URI: https://dspace.almg.gov.br/handle/11037/9975
metadata.dc.identifier.classification: 352
metadata.dc.language: Português (Brasil)
Appears in Collections:Revista de Administração Pública

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
5687.pdf166,12 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.