Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://dspace.almg.gov.br/handle/11037/29333
Tipo: Artigo
Título: Se a matéria é discricionária, nem o Judiciário nem o Tribunal de Contas podem determinar contratações pelo poder público
Autor(es): Gonçalves, Sandra Krieger
Rigolin, Ivan Barbosa
Local: Belo Horizonte
Editora: Fórum
Data do documento: 2018
Está contido: Fórum de Contratação e Gestão Pública [recurso eletrônico]
Citação: GONÇALVES, Sandra Krieger; RIGOLIN, Ivan Barbosa. Se a matéria é discricionária, nem o Judiciário nem o Tribunal de Contas podem determinar contratações pelo poder público. Fórum de Contratação e Gestão Pública [recurso eletrônico]. Belo Horizonte, v.17, n.201, set. 2018
Assunto: Licitação - Brasil
Poder discricionário - Brasil
Poder Judiciário - Competência - Brasil
Tribunal de contas - Competência - Brasil
Tema(s): Direito Administrativo
Outros: 148977
URI: https://dspace.almg.gov.br/handle/11037/29333
Número de classificação (CDU): 35
Idioma: Português (Brasil)
Aparece nas coleções:Fórum de Contratação e Gestão Pública

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Editora Fórum - Plataform Fórum de Conhecimento Juridico.pdf674,82 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.