Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://dspace.almg.gov.br/handle/11037/1273
Tipo: Artigo
Título: A morada da ética aplicada
Autor(es): Ferreira, Amauri Carlos
Local: Belo Horizonte
Editora: Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais
Data do documento: 2010
Está contido: Cadernos da Escola do Legislativo, Belo Horizonte: Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais, v. 12, n. 19, p. 17-35, jul./dez. 2010.
Citação: FERREIRA, Amauri Carlos Ferreira. A morada da ética aplicada. Cadernos da Escola do Legislativo, Belo Horizonte: Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais, v. 12, n. 19, p. 17-35, jul./dez. 2010.
Resumo: Reflete e conceitua a ética. A morada do sujeito ético é a liberdade. Liberdade como um dos princípios da política, da democracia, um dos pilares da Revolução Francesa. Liberdade cantada em prosa e verso, associada à justiça, levou Marx, no século XIX, a discorrer sobre a venda nos olhos da Justiça, sustentando que ela (a justiça) não nasceu sob o signo da liberdade. A liberdade é uma das promessas republicanas que nomeia ruas e praças, circunscrevendo lugares de poder.
Assunto: Ética - Filosofia
ISSN: 1676-8450
URI: https://dspace.almg.gov.br/handle/11037/1273
Número de classificação (CDU): 17(042)
Idioma: Português (Brasil)
Aparece nas coleções:Política (Memória)
Cadernos da Escola do Legislativo, v. 12, n. 19, jul./dez. 2010

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
0001273.pdfA morada da ética aplicada161,28 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.